Evidência e inferência, testemunho e dedução




Toda percepção está submetida a uma relação de Figura e Fundo. Essa lei perceptiva é fundamental para explicar variações perceptivas, para explicar as distorções, tanto quanto para entender quando o testemunho, o dado perceptivo é uma apreensão das configurações existentes. Vivenciando o presente no contexto do presente, o percebido, o que ocorre, o que se mostra é a Figura e o Fundo também é o presente. Sempre se percebe a Figura, o Fundo jamais é percebido e quando ele passa a ser percebido graças à reversibilidade perceptiva, ele passa a ser Figura. Perceber um acontecimento que agora ocorre no contexto - Fundo - de desejos e expectativas cria distorção e assim o que acontece é categorizado em função de outros referenciais que não os do ocorrido. Isso gera inferência, dedução que acumula percepções às da evidência existente. Esses acréscimos causam distorções perceptivas. Não se percebe o que está ocorrendo no contexto que ocorre e sim no que se teme ou precisa que ocorra. Expectativas, ansiedade, medo, insegurança estão sendo jogadas, acrescentadas ao que ocorre. É o tumulto. Não se sabe o que pensar. Não há como prolongar percepções. Se estabelecem dúvidas geradas pelas dicotomias: é isto? É aquilo? Vai dar certo? Vai dar errado? Fala comigo? Olha para outro? Nos tumultos causados pelo desejo apenas se utiliza os dados percebidos e vivenciados como senhas indicativas do acesso ao desejado. O mundo vira um caos, os caminhos são encruzilhadas que nunca se sabe para onde levam. Nada se sabe, tudo se deduz, nada permanece, apenas dúvidas ecoam. O diálogo surdo, o monólogo, substitui a evidência do encontro com o outro, que informa e amplia as percepções das percepções - as constatações.

Comentários

  1. O ditado em idisch diz que: "O homem planeja (cria expectativas) e D'us dá uma risada". "A mensh tracht en der eibisher lacht".

    "ch" soa "rr" e "sh" soa "ch".

    Abram Cheventer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Abram, as tradições, basicamente se caracterizam pelas apreensões fenomenológicas. Beijo!

      Excluir

Postar um comentário

Os mais lidos

Oprimidos e submissos

Sonho e mentiras

Zeitgeist ou espírito da época

Mistério e obviedade

Misantropo

A ignorância é um sistema

“É milagre ou ciência?”

A possibilidade de transformação é intrínseca às contradições processuais

O diálogo nos conecta tanto quanto nos distancia

Aplacamento - reificação ad infinitum